Mercado de Usados – Hodômetros


Boa noite,

Fui em uma multi-marcas no final de semana, vi uma Saveiro 2003 em excelente estado de conservação, o carro estava limpo e a caçamba tinha poucas avarias, por ser um utilitário eu esperava que o carro estivesse mais castigado, lembrei então que este tipo de carro é usado por jovens que buscam pickups pequenas, a Saveiro ainda é um modelo buscado no mercado devido o seu estilo e potência.

O modelo era um dos poucos 1.8 que a VW lançou e que acabou sendo substituída pelo modelo 1.6 por ser mais econômica e praticamente ter os mesmos números de performance. Mas o que mais me impressionou foi o fato de uma Saveiro 2003 ter apenas 40mil km rodados. Fazendo uma conta de padaria, um carro com 8 anos de uso (96 meses), um uso aceitável do carro seria algo em terno de 1mil km rodados por Mês, neste carro a média estava em 416km.

Quando pedi para olhar o motor, o carro parecia ter uns 200km e o câmbio estava com a primeira marcha muito travada e a segunda muito mole… típico de carro muito rodado, pensei comigo mesmo se a aquela km era realmente a verdadeira, depois que fizeram os hodômetros digitais as “mutretas” ficaram ainda mais difíceis, mas pensem comigo, se existem métodos de retirar o limitador de velocidade do carro, porque não existiria um método de alterar a quilometragem do painel?

Todo sistema digital está sujeito a falhas de segurança e realmente acho que alterar o hodômetro do carro não deve ser algo muito difícil, existem coisas mais difíceis disponível para o consumidor final no mercado do que alterar um KM.

A Saveira poderia até estar com a KM original, mas nos dias de hoje é muito difícil encontrar um carro naquela condição de uso, ainda mais com o motor e câmbio naquele estado, algo poderia ser feito para dificultar essa possibilidade de fraude no mercado.

Pesquisando um pouco na internet, encontrei o seguinte texto.

Devido a inúmeras ocorrências de fraude na marcação de quilometragem dos veículos no Brasil, a Câmara dos Deputados aprovou o Projeto de Lei 3.740, de 2008, que determina a inclusão da quilometragem rodada no Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo.

O objetivo da Lei é impedir a fraude no mercado de usados. As oficinas ou lojistas adulteram a quilometragem real manipulando o hodômetro ou trocando algum componente. De acordo com o artigo 7º, inciso IX, da Lei n. 8.137/1990, adulterar o hodômetro é crime, e ainda põe em risco o motorista e os passageiros.

Essa Lei ainda terá de ser aprovada pelo Senado.

Fonte: Automotive Business

 

Será que esta lei será aprovada? será que o Denatran tem sistema para receber e administrar essa informação de todos os veículos?

 

Obrigado

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.