Dia 14: C4 Pallas e Hatch


Boa noite,

Não poderia deixar de registrar o dia de hoje no blog, principalmente porque estarei relatando a experiência em guiar um C4, hoje foi um dia bastante atípico, hoje tive a oportunidade em Guiar o C4 Hatch e um C4 Pallas, a versão sedan do carro arranca elogios dos seus proprietários, o design sinceramente eu sempre achei um pouco estranho somente a traseira, porém a dianteira é imponente e isto realmente é incontestável.

O espaço interno do Pallas é outro fator bastante positivo, para quem procura um carro realmente grande, pense em um Pallas, os passageiros não podem reclamar de apertos ou teto baixo, porque realmente o carro possui um espaço interno que deixa muitos outros carros do segmento para trás.

Pena que o Hatch do C4 não possui exatamente as mesmas dimensões do Sedan, os passageiros da versão Hatch irão sentir um pouco mais o banco do motorista, caso este, esteja totalmente para trás.

A versão do C4 que eu dirigi do Pallas foi a Exclusive, que possui alguns mimos de série que a versão GLX não tem, por exemplo o banco de couro, ar condicionado digital, faróis de neblina e sensores de estacionamento dianteiro e traseiros são os itens de maior destaque do carro. Para o passageiro do banco de trás até o apoio de braço possui algumas regalias como porta copos e um porta trecos.

Hoje realizei uma longa viagem de aproximados 600km sentido capital de SP, vou descrever um pouco sobre as facilidades do Piloto Automático, o Pallas que eu dirigi era 2008 – Mecânico – Exclusive.

Independente da versão e do ano, o C4 possui Piloto automático, seu acionamento é exatamente o mesmo desde o seu lançamento, para acionar, basta apertar o botão SET+ do volante.

Um descritivo no painel irá aparecer com a velocidade selecionada e pronto, o motorista poderá descansar a perna direita e tomar bastante cuidado, porque o carro não possui o efeito “cagaço” em caso de motociclista doido, caminhoneiro pirado ou buracos na pista, então aproveite o descanso da perna para redobrar a atenção no volante.

Para cancelar o piloto automático, basta pisar no freio ou acelerador, para retomar a velocidade configurada, basta apertar o botão “PAUSE” localizado no mesmo conjunto.

Repare que no velocímetro a informação “OFF” irá aparecer quando você pisar no freio/acelerador e ele apagará após apertar o botão “PAUSE”. Seu funcionamento é simples e realmente funciona – até mesmo em subidas bem pesadas.

A retomada é forte, por isso tome cuidado, o carro terá como meta alcançar a velocidade definida pelo motorista. Eventualmente ele ultrapassa 1 ou 2km/h mas isso acontece por causa do embalo e somente em descidas. O carro irá acelerar e na medida do possível controlar a velocidade, ele não freia.

O consumo do Pallas na estrada com o carro vazio pode chegar a 14 km/l com o carro cheio ele chega a 11,5 km/l.

O Hatch eu não peguei estrada ainda, mas acho que as medições não serão muito diferentes, abaixo uma foto do consumo com o tanque recém abastecido com Gasolina Aditivada (autonomia de 468km – isso com certeza irá diminuir conforme o trânsito).

Obrigado

One thought on “Dia 14: C4 Pallas e Hatch

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.