Games de Corrida I – Top Gear


Boa noite,

 

Constantemente eu falo sobre vídeo games com os meus amigos, a paixão por games é tanta que resgatamos assuntos desde a época do SNES, console que realmente despertou o interesse de muitas gerações por games até os mais atuais como o Xbox e PS3.

A discussão tornou-se um pouco mais séria, criamos a página Assiste e Joga no Facebook para discussão de Games e Cinema, que no nosso entendimento faz total sentido mesclar os 2 assuntos, alguns games são verdadeiras obras de arte, embora somente o cinema esteja numerada entre as artes (sendo a sétima), o game ainda terá o seu reconhecimento.

Alguns games realmente merecem o seu destaque neste blog, hoje em especial vou falar sobre o Top Gear, clássico originário do Super Nintendo, trazendo uma legião de fãs na época que até hoje sentem saudades de um dos games mais completos produzidos até hoje.

Você acha que pegar um carro “pelado” com mecânica original e sair mudando tudo para ganhar corridas foi uma inovação? Need For Speed, Gran Turismo e Forza são alguns dos games de corrida que levam a fama até os dias de hoje, mas seus antecessores nunca deixaram a desejar no quesito diversão e originalidade.

Claro que as limitações gráficas da época não podiam inovar tanto quanto hoje, mas as tradicionais músicas no formato Midi até hoje são muito mais legais do que a trilha sonora do Gran Turismo 5 para PS3 – que na minha humilde opinião é uma das piores até hoje da série.

Vamos a minha análise deste game clássico, o que eu vou escrever será com base a minha experiência com games, consultei somente as datas de lançamento dos games na internet o resto é pura vivência.7

 

Top Gear I

Top Gear foi um game de corrida americano que no Japão tinha o nome Top Racer a Kemko distribuía o game desenvolvido pela Gremlin, o game foi lançado em 1992 e foi o meu primeiro jogo de corrida para vídeo game, fiquei impressionado com a possibilidade de escolher 4 carros totalmente diferentes com características bem diferentes e que dependendo da estratégia poderia ser fatal para ganhar uma corrida.

Eu sempre corria com o carro Branco, embora o vermelho fosse o mais fodão de todos ele tinha o consumo equivalente a sua potência, o carro branco mesclava boa velocidade final e consumo aceitável. Sim, o game contava com o recurso de abastecimento, tinha pit stop e quando você parava, nem sempre era necessário abastecer o carro até o fim, as vezes só 2 barrinhas para completar a corrida no reserva já era mais do que o suficiente.

A tela que eu mais gostava era Machu Picchu, a trilha sonora e a velocidade eram fantásticas. Outro ponto de destaque é que no game haviam 2 pistas no Brasil (Rio de Janeiro e Manaus), nenhuma das 2 possuem qualquer característica que possa lembrar a região, mas a ideia de lembrar de nós, meros mortais marcou a minha infância, haviam uns morros ao fundo no Rio que lembrava o Pão de Açúcar, mas não sei se a ideia era exatamente essa na época do desenvolvimento do game.

 

Top Gear II

Em 1993/1994 foi lançado o Top Gear II, recursos gráficos melhorados, um monte de pistas adicionais, eu particularmente não gostei do game, da série ele me decepcionou porque todos os carros eram iguais, mudando somente a cor. Não havia uma característica que mudasse um carro do outro, o som do motor ficou estranho, quando você alcançava a velocidade máxima parecia um carro de fricção descendo desgovernado ladeira a baixo.

41

Os mapas eram mais detalhados, mas mesmo assim o fundo fixo ainda estava presente na série, os carros agora tinham uma grade anti-cabaço, quanto mais você batia o carro mais lento ele ficava, começava aí o conceito de destruir o carro, mas devido limitações da própria época o carro não amassava, o carro tinha um monte de Nitro, a versão anterior do game contava somente com 3 “puxadas”. o Top Gear inaugurava a era da preparação dos carros, caixa de câmbio, motor, pneus e outros acessórios podiam ser montados no carro, mas o som não mudava e fisicamente o carro era exatamente igual.

A tela mais legal era a Scandinavia porque nevava e isso era bem diferente, qualquer cenário que chovia ou nevava eram bem legais.

 

Top Gear 3000

owwwwww (brilho nos olhos)

Este game com certeza deixou muita saudade, a ideia era ser um game totalmente futurista sem naves como o Fzero, eram carros que corriam por diversos planetas, constelações, diversos e inúmeros ambientes, embora a grande maioria só mudasse a cor de fundo, o game levava realmente o jogador para outro planeta.

Quem conhecia um pouco de inglês na época se divertiu ainda mais, isso se deve pelo fato de cada fase ter uma história particular. O Top Gear trouxe um número de peças/acessórios ainda maior que na geração anterior, o som do motor mudava em alta velocidade, chegando a ficar mudo, dando a total impressão de ter quebrado a barreira do som (no mínimo), acho que isso era um Bug porque o meu Top Gear era pirata (depois eu comprei original) mas mesmo assim não joguei na mesma fúria que o pirata que eu tive na épica do lançamento.

Top Gear tinha ainda itens no mapa que valiam “dinheiros” que poderiam ser gastos para realizar upgrade do seu carro, que até o final do game ele estava invocado como um caminhão V12 ou coisa parecida, alguns termos eram engraçados, como os motores nucleares. Foi naquele momento que eu descobri que o Nitro sem motor não resolve nada e que motor sem câmbio também não presta.

Na época aprendi que carro rápido tinha que ter pneu aderente para grudar na pista.

A apresentação do game era fantástica.

Tradução:

Uma vez a cada milênio, um dos maiores eventos na galáxia começa … É uma corrida. Um carro de corrida. Começa no mais longínquos da galáxia e termina no centro. Para as riquezas vencedor além da crença. Conhecimento da raça é passado de geração em geração. A identidade do organizador foi perdido através das névoas do tempo. Ou talvez ele nunca foi conhecido. Mas até mesmo uma criança mais jovem sabe em uma determinada data … tudo que ele tem a fazer é olhar para o céu … por um sinal. O tempo chegou. Você está na corrida. BOA SORTE.

 

Incrível.

 

Obrigado

2 thoughts on “Games de Corrida I – Top Gear

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.