Painel Lancer Ralliart


Bom dia

Graças aos amigos do Mitsufans tive coragem de desmontar o painel original do Lancer CVT para instalar o painel do Ralliart (não estava procurando muito, mas quando achei não perdi a oportunidade de comprar).

Desmontar o painel e instalar um novo não é tão complicado como parece, tive receio na hora de retirar as peças que são puxadas, porque tenho um péssimo histórico de quebrar as presilhas deste tipo de peça. Mas entre mortos e feridos salvaram-se todos.

 

A principal diferença deste painel para as versões MT e CVT é a coloração e a velocidade máxima que exibe até 260km/h contra 240km/h das versões anteriores. Existe uma diferença no grafismo quando comparado com a versão GT da família Lancer.

Todas as funções do carro funcionaram perfeitamente. Entretanto a KM do carro foi “alterada” para a KM do painel. Mas é possível resgatar a KM original do carro porque esta fica armazenada na central do veículo. Mas existe um custo para este serviço e a rede de concessionárias da marca não faz este tipo de serviço também… Somente em empresas especializadas em painel.

Obrigado

Anúncios

Dicas para Participar TrackDay


Bom dia

Exceto o tópico que eu escrevo a minha jornada para documentar um carro sem documentos os assuntos, relacionados a Track Day estão na lista do top 5.

Correr com o próprio carro para alguns pode ser uma loucura, para outros uma verdadeira emoção. Salvo o investimento pesado que é preciso realizar no carro o risco de acontecer alguma quebra ou uma dor de cabeça futura são longos.

Eu enxergo o TrackDay como uma droga, no momento ela te trás adrenalina, emoção e muito êxtase. Após a corrida voce sentirá um cansaço intenso e o carro também – poderá – apresentar alguns efeitos colaterais.

Vamos aos efeitos mais comuns após uma corrida de TrackDay:

  • Desgaste dos pneus
  • Desgaste dos freios
  • Necessária a substituição do óleo do motor
  • Necessária a substituição do óleo do cambio
  • Alinhamento
  • Balanceamento
  • Revisão da parte elétrica do carro
  • Desgaste da suspensão

Estes itens são apenas alguns que eu me lembrei agora, mas se começarmos a escrever em uma folha de papel quais itens do carro são estressados na corrida a lista teria no mínimo umas 3 páginas de conteúdo.

Agora que voce leu sobre os desgastes do carro, ainda assim quer saber como participar?

Antes disso vou listar – novamente – a lista dos itens que precisam obrigatoriamente serem trocados/revisados antes de uma corrida:

  • Fluído de freio para no mínimo DOT5.1 (o DOT 5 também serve)
  • Revisão dos pneus, eles precisam estar com 70% de borracha (no mínimo)
  • Substituição dos freios dianteiros e traseiro (sem choro, o carro pode ter 6 meses de uso, precisa trocar).
  • Substituição do óleo do cambio

 

Quanto aos freios eu recomendaria freios frisados e pastilhas EBC, o kit não é um dos mais baratos, mas lembre-se que é para a sua segurança. E também não adianta trocar os freios 2 dias antes da corrida, tem que ser no mínimo 1 semana antes, trocar os freios em cima da hora fará com que você não tenha eficiência na frenagem é sabido que freios novos não são tão eficientes quanto um freio já em uso por alguns dias.

E claro um investimento em performance seria algo no mínimo interessante para ser aplicado no carro, os seguintes itens devem ser considerados na sua cesta de compras:

  • Molas Esportivas
  • Pneus mais largos (dentro dos limites do seu carro)
  • Pneus Slicks (desejável)
  • Coletor de escapamento dimensionado (preferencialmente inox)
  • Remapeamento da Injeção
  • Sprint Booster ou Potent Booster (retira o delay do acelerador eletrônico)

Estes investimentos são mais expressivos, mas ao término dos upgrades você terá um carro mais “divertido” e seguro.

 

Agora vamos ao que interessa….

Para participar existem 3 caminhos

Fácil: Pesquisando no Google o autódromo da sua região e ligando para eles questionando sobre a agenda dos track days ou eventos similares.

Moderado: Você assina o newsletter de cada autódromo e fica antenado sobre os lançamentos das inscrições, se inscreva também na fanpage do autódromo no Facebook.

Difícil: Convide uns 10 ou 15 amigos para correr junto com você e inscreva todos na mesma corrida o bom disso é que conhecendo os outros pilotos o risco de acidentes é mitigado. O problema é encontrar 15 doidos como você (ou eu).

 

Alguns links interessantes:

http://www.ecpa.com.br/novo/

https://www.facebook.com/revistatrackday

http://trackday.oktaneclub.com/

http://www.autodromodeinterlagos.com.br/wp1/

 

Obrigado

Pneu LingLong (XingLing)


Boa noite,

Novamente, depois de alguns meses estou voltando a escrever, desta vez vou escrever um review sobre os pneus Ling Long. A invasão chinesa invadiu a minha vida e desta vez é o novo calçado do meu carro.

Vamos ao pneu….

Ling Long é uma marca extremamente conhecida e desconhecida no mercado automotivo – sim essa frase ficou uma bosta ruim. A marca é conhecida pelos manolos que não gostam de nada original, definitivamente. Sempre que eu vejo um pneu Ling Long eu vejo uma roda réplica no carro.

Réplicas são uma droga para o mercado. A BBS que o diga, quase declarou falência devido a quantidade de réplicas no mercado. As pessoas podem falar que a roda original é cara, mas existem diversos custos envolvidos e são eles:

  • Engenharia
  • Material
  • Patente
  • Impostos

Estes são 4 de inúmeros fatores que fazem um produto final acabado ter um preço acima do que você caro leitor espera pagar por um produto, seja ele um eletrônico, uma peça ou um simples acessório para o carro.

Vamos ao pneu, estava eu animado indo para o interior de SP e simplesmente o pneu (Dunlop 225/45/18r) sofreu uma avaria. Eu já imaginava que este pneu iria me deixar na mão, porque a alguns meses atras eu percebi que o dianteiro do lado do motorista perdia muito mais libras do que os demais. Para se ter uma ideia eu calibro os pneus com 32 libras, normalmente eles perdem 1 libra (no máximo 2) cada vez que eu abasteço (isso quando perdem) e o maldito do pneu dianteiro perdia de 4 a 5 libras toda vez que eu calibrava.

Levei em diversos borracheiros e ninguém descobriu nada no pneu, até pensei em solicitar uma garantia, afinal são 5 anos de garantia e eu NUNCA usufrui de garantia de pneu, toda vez que eu tenho problemas com pneus sempre são causados por “agentes externos” – prego, buraco, parafuso, lava, ácido, meteorito, plutônio, etc.

E toda vez que eu compro pneu com garantia contra tudo (incendio, colisão, guerra nuclear e afins) eu vendo o carro sem nunca usufruir da garantia.

Desta vez eu tive um problema e vou pedir garantia para a Dunlop, mas isso será assunto de outro post. Vamos ao pneu Ling Long e como eu cheguei até ele (ou ele chegou até mim).

O estepe temporário do Lancer é uma roda safada Dunlop aro 15 que não é recomendável passar dos 80km/h quando se está com ela no carro. O Lancer vinha como padrão os pneus Yokohama Japones medias 215/45/18r quando nacionalizaram o carro (em 2014) a Mitsubishi equipou o carro com o Pirelli da mesma medida (nacional e com o memo preço =/) nunca entendi este preço uma vez que o Yokohama custavam mais de R$ 1000,00 a unidade e os Pirelli’s na concessionária custam exatamente isso.

Como não podia enfrentar uma viagem de 600km com o estepe temporário eu decidi correr atrás do primeiro pneu aro 18 disponível na cidade de Presidente Prudente (Oeste Paulista). Para a minha sorte em uma bela tarde ensolarada no sábado encontrei uma loja que já estava fechando que tinha um par de um pneu da mesma medida que os Dunlop que eu tinha.

Quando o dono da loja me disse que tinha o pneu que eu procurava, meus olhos se encheram de alegria e quando ele me falou o preço (R$ 350,00) alinhado, balanceado e com os bicos eu quase tive um orgasmo. Nossa como aquilo me deixou animado. Principalmente porque nos Dunlop a 1 ano atrás eu paguei algo em torno de 600 em cada um deles (montado).

2015-08-23 17.18.51

Quando eu vi o estado do pneu minha alegria veio a ruína, um pneu sujo todo torto como se ele tivesse sido esmagado por uma carreta e de fato ele foi esmagado era um pneu que entrou pelas portas do fundo do Brasil. Eu precisava daquele pneu e aquela pobre pneu precisava de um dono.

Quando eu vi a marca o pneu era Ling Long, no papel o pneu tem a melhor especificação do mercado, ele suporta altas velocidades e tem um bom desenho para qualquer tipo de uso (terra, asfalto e molhado) incrível não? #SQN.

Como um pneu chines poderia ser bom se nenhuma montadora chinesa no Brasil usa essa merda? Os Coreanos usam os pneus do seu país, os chineses usam Pirelli, GoodYear , etc… nunca vi um carro chines com pneus chineses.

Bom que seja… a ocasião faz o ladrão, acabei comprando o pneu porque eu precisava de um pneu aro 18 para voltar para a minha terra e escrever este post para voces.

Depois de uns 20 minutos calibrando o pneu ele tomou corpo de pneu, antes era a bola quadrada do Quico, agora ele era redondo, pelo menos não estava oval. Mas parecia um pneu e tomou forma como se fosse um pneu de verdade. Eu vi o Pinochio tomando vida na minha frente.

gde_0762c590dbc6ff4aec0865448fe42323

O que falar do pneu? dirigi 550km de estrada seca em condições favoráveis. O pneu aparentemente teve um bom comportamento, ele tem um ruído superior, eu não tenho equipamentos de medição sonora ( o celular não vale) mas eu percebi que o ruído interno aumentou. Para mim isso não é muito problema porque eu sempre ligo o rádio na estrada e também o escapamento esportivo ronca mais do que qualquer ruído de pneu.

Agora vem o problema, hoje um dia típico paulistano, muita chuva e transito. Depois de um longo período sem chuvas na cidade a cidade estava imunda, o asfalto está com uma combinação quase mortal: Terra e óleo. Hoje ao freiar o carro com vontade em 2 momentos o ABS foi acionado. PQP acionamento do ABS na cidade? me senti o rei das barbeiragens, mas depois eu me lembrei o que eu tinha de diferente no carro, e eram aqueles LingLong.

Minha vontade quando comprei o pneu seria comprar logo um jogo extra para usar em Track Day’s, mas depois de hoje vi que esse tipo de pneu é bom para quem não faz bom uso do carro e quem gosta de se arriscar comprando um produto somente pela aparencia.

Sinceramente não recomendo este pneu para ninguém, testei ele na estrada e é perceptível a diferença na velocidade. Não é um pneu para uso militar, ainda prefiro pneus nacionais mais simples do que um pneu que promete (base as especificações) ser superior aos concorrentes.

 

E como estes pneus chegam no Brasil?

http://www.visaopopular.net.br/policia-militar-apreende-em-sidrolandia-contrabando-de-52-pneus-oriundos-do-paraguai/

Obrigado

Freios Fremax


Bom dia

Depois de participar de 1 track day com os freios originais, senti uma enorme necessidade de realizar um upgrade no conjunto, a começar pelos freios dianteiros que são sempre os mais exigidos.

Hoje no mercado existem diversas marcas de freios conceituadas, cada uma com a sua especialidade, para freios especiais decidi utilizar a marca Fremax que é a mesma marca utilizada pela Stock Car, claro que não optei pelos freios da Stock, mas só pelo fato da marca fornecer os freios para esta competição já quer dizer muita coisa.

Assim como os motores da Fórmula Indy são Honda já dá para ter uma ideia da tecnologia utilizada nas pistas e nos carros de rua. Os freios Fremax são nacionais, isso não é ruim, eu até gosto de produtos nacionais porque possuem um custo mais baixo e geram empregos em diversos segmentos.

FreiosFremaxEBC

Além disso não vou mandar importar um disco de freio e esperar alguns meses e ainda terei o risco de ser tarifado em um imposto abusivo, as pastilhas até concordo, pelo peso e tamanho dá para arriscar uma importação direta, mas os discos, mesmos os de alta performance que são mais leves que os tradicionais, ainda estes são pesados.

Os discos foram trabalhados pelo Peixoto Freios (em São Bernardo do Campo) e as pastilhas são EBC modelo Yellow que garantem excelente performance nas pistas e durabilidade na rua.

Gostei muito do resultado, frenagens precisas, pode pisar forte no disco mesmo na chuva que ele não empena, as pastilhas são ótimas resultado pelo menos 40% superior ao kit original.

 

Dia de Piloto 2


Boa tarde

No último dia 21/12 (domingo) tive a oportunidade de participar do primeiro track day na pista nova do autódromo de Interlagos. Como muitos sabem a pista foi totalmente reformulada, tendo como destaque a substituição total do asfalto, melhorando a aderência em no mínimo 300% (segundo a própria comissão organizadora do evento).

Novamente vou postar algumas dicas para aqueles que tem interesse em preparar o carro para track day – sim exige uma preparação mínima para que você possa se divertir com segurança.

As principais verificações são:

  • Pneus
  • Suspensão
  • Elétrica Geral
  • Freios Traseiros

Substituições obrigatória

  • Freios Dianteiros
  • Filtro de Ar
  • Óleo do Motor
  • Óleo do Câmbio
  • Alinhamento/Balanceamento

Não adianta pensar que os freios originais do seu carro irão segurar, porque a reta de Interlagos é longa, depois da subida dos boxes o carro ultrapassa facilmente a casa dos 170km/h (aspirado) ou 230km/h (turbo) e termina no S do Senna, ou seja são 2 curvas bastante fechadas, onde diversos carros rodam.

 

Acessórios do Piloto

  • *Capacete
  • Macacão
  • Luvas
  • Sapatilha

O capacete é o único item obrigatório para o piloto, provavelmente em 2015 o macacão passará a ser acessório obrigatório.

Se você possuir um jogo de rodas extras com pneus slick a diversão estará ainda mais garantida, de certa forma dá um pouco de dó de acabar com o pneu do dia-a-dia no track day, cada track-day condena o uso do pneu de 20% a 30% em algumas situações o pneu acaba ali mesmo, chegando no arame após a borracha.

Uma das vantagens em ter o macacão é que os macacões de piloto são anti-chamas (diferente dos macacões de kart) por isso o custo acaba sendo um pouco mais elevado e para algumas pessoas torna-se inviável a aquisição, principalmente se for para a participar somente 1 vez para “sentir o barato”.

Uma dica para quem procura por freios, o Peixoto Freios (localizado no ABC) tinha as peças para o meu projeto de freio e não adianta trocar os freios no dia ou muito próximo a corrida, porque existe um tempo mínimo (ou km) para os freios “se adaptarem” ao disco, ou seja, se você colocar o freio novo no dia e sair freiando com tudo no meio do dia estará praticamente sem freios… apenas no ferro.

O track day é legal, divertido, um pouco perigoso, principalmente para aquelas pessoas que pensam que track day é parecido com Gran Turismo ou Forza…

Algumas realidades

  • Você não gosta do seu carro – se gostasse não usaria ele desta forma
  • Investir em segurança é algo que só traz benefícios para você e para os demais
  • Não existe corrida contra os outros, apenas contra si mesmo
  • Não existem carros iguais
  • Não existem pilotos iguais
  • Jeito certo de condução é nunca mudar o seu traçado para facilitar
  • Ultrapassar somente na reta
  • Seu carro não aguenta 4 voltas seguidas
  • Você não aguenta 4 voltas seguidas
  • Para cada 1 volta lenta, faça 3 rápidas e pare nos boxes
  • Você não é profissional
  • Os outros não são profissionais
  • Você não tem patrocínio
  • Alguns tem patrocínio (risos)
  • Se o carro for do seu dia-a-dia não leve ele ao máximo
  • Respeite os seus limites
  • Respeite as regras
  • Seus amigos dirão que você é louco
  • Seus melhores amigos dirão que você é louco e foda
  • Seus familiares nunca entenderão
  • Sua família te xingará e jamais irão entender
  • Você será assunto do almoço por 2 no máximo 3 dias
  • Os adesivos no carro (número e nome da prova) são o máximo
  • Você deixará os adesivos por no mínimo 1 semana
  • Conheça o traçado
  • Seu co-piloto deverá conhecer o traçado melhor
  • Yoytube será sua escola, mas você não fará igual (e nem deve tentar)

Adesivos são legais, alguns eventos fazem adesivos muito bonitos, outros apenas o número no vidro do passageiro do lado do motorista.

800px-Autódromo_José_Carlos_Pace_(AKA_Interlagos)_track_map.svg

 

Reúna alguns amigos que gostem e tentem correr juntos, se você conhecer algumas pessoas “da mesma categoria” será uma experiência ainda melhor – clubes de carros sempre fazem algo parecido.

Infelizmente o track day em Interlagos ainda não é categorizado, ou seja, você estará na pista com carros com quase 1000cv e a grande maioria será turbinado com mais de 200cv.

Respeito ao indivíduo é o item mais importante, tentar fechar ou fugir do seu traçado normal é algo que poderá causar um acidente

Acredite… um acidente pode estragar a brincadeira.

 

No dia anterior a corrida

  • Durma cedo (quase impossível)
  • Alimente-se bem, dê preferência a produtos mais saudáveis, mesmo que você seja um fã de Burger King
  • Beba bastante líquido (água e suco sem açúcar)
  • Abasteça o carro com Podium e se possível um frasco de octane
  • Calibre os pneus com 37 libras, no final da primeira bateria eles estarão com 47 (mais ou menos)
  • Tenha em mãos um medidor de pressão que possibilite esvaziar o pneu
  • Não pense em ouvir música no dia, não grave CD ou Pen Drive com seu forró favorito, deixe isso para depois
  • Lave o carro (para sair bonito nas fotos)
  • Quando você encontrar algum fotógrafo faça uma volta lenta com os vidros abaixados (você aparecerá nas fotos – eu não fiz isso e me arrependo)

 

Junte dinheiro para a próxima

Boa sorte…

Obrigado

 

Dia de Piloto


Boa tarde

 

No último sábado, 25 de outubro ocorreu no autódromo de Velo Città 4 eventos e são eles:

  1. FunDay
  2. EvoDay
  3. Marcas e Pilotos
  4. Lancer Cup

Como não poderia ficar de fora dessa, decidi colocar o Lancer na pista para testar o seu máximo desempenho.

Antes de colocar o carro na pista é preciso ter os seguintes cuidados:

  • Pneus
  • Freios
  • Suspensão
  • Arrefecimento do Motor
  • Arrefecimento do Câmbio (Quando Automático)
  • Óleo e Filtro do Motor
  • Fluído de Freio
  • Palhetas

Todos os itens acima são extremamente necessários não só na pista, mas também na rua. Mas na pista a exigência é maior e todo o processo não tolera falhas, principalmente porque você está em uma competição que ninguém entra para perder, ninguém quer ser o último, mesmo que seja contra o relógio (Time Attack), sempre haverá alguém com um tempo melhor e pior do que o seu.

Os Tracks Days são muito comuns nos EUA, se popularizaram no Brasil a cerca de 3 anos, no último ano tivemos uma grande quantidade de eventos e participantes, os custos de participação tornaram-se mais acessíveis, variando de R$ 500,00 até 3mil dependendo do organizador, pista, categoria e data.

Vamos a realidade dos track days para “meros mortais” nos quais eu me encaixo, cujo os valores podem variar entre R$ 500 até R$ 700 (somente a pista), você pode participar de até 3 baterias com 13 voltas cada uma (média).

Lembrando que o seu carro de rua não é um carro de competição, logo você poderá ter alguns problemas e são eles:

Falta de Freio >> Ocorre principalmente quando o freio é utilizado de forma estressada, para reduzir o efeito do fading (fadiga), o que faz o carro ficar praticamente sem freios. O calor é inimigo de qualquer componente do carro, para manter a temperatura em níveis aceitáveis considere o uso de discos frisados, são caros, mas auxiliam o processo de frenagem do carro como um todo.

Trepidação no volante >> Este é mais comum quando você usa a pista depois de muitos outros carros, dependendo do campeonato o piloto não freia nas curvas, entra de lado derrapando, alguns pneus começam a se desgastar na curva e soltam verdadeiras lascas de borracha. Nunca desvie das borrachas, faça sempre o seu caminho e passe por cima delas.

Como o seu pneu estará a uma temperatura muito acima do normal, quando você “atrolepar” o pedaço da borracha ela ficará grudada no seu carro até o final do evento – isso não estraga o pneu do carro, relaxa que no caminho de volta para casa as borrachas se soltaram dos pneus.

Calibragem >> Calibre os pneus com pelo menos 4 libras acima da sua média normal.

Verificar todos os fluídos >> Quanto mais novos, melhor será o rendimento do motor do seu carro, você poderá trocar as marchas no limite de giro (na faixa de velocidade) sem se preocupar se o óleo do carro irá

Palheta >> Nunca se sabe, mas se chover e você não tiver uma plalheta fatalmente seu vidro ficará todo riscado além da visão comprometida.

Pneus >> Se estiver com bolha esqueça, ela vai estourar principalmente por causa da alta temperatura e nível de atrito na pista, esqueça o uso de pneus remold, no novo regulamento dos track days eles não poderão ser usados.

Combustível >> Use Podium e se possível com um frasco de aditivo, evite abastecer no local do evento, principalmente porque o preço do litro costuma ser R$ 4,50.

Placa >> Alguns track days não incluem um tampa placa dianteiro e traseiro, logo parte de você cobrir a placa do seu carro, isso se deve para evitar problemas futuros (seguradoras e venda) comprar um carro que é usado frequentemente em Track Day pode ser um problema. Alguém sabe a placa do Civic Black Bull ? Não porque todos os vídeos a placa está censurada. Carro bem revisado e bem cuidado não perde valor de revenda.

Falando em seguro e garantia, lembre-se que a partir do momento em que você coloca as rodas do carro em um autódromo, não existe mais garantia e nem seguro contra colisão. Você está assumindo um risco para o carro, seguradora nenhuma cobre qualquer eventualidade em pistas de track day. E se ocorrer qualquer falha mecânica ou elétrica a montadora também não irá cobrir os custos em garantia (se descobrir). Dá para descobrir, principalmente se for uma peça com desgaste prematuro por mal uso ou uso excessivo.

 

Pós Corrida

Se mesmo depois de um tempo (uns 80km) a trepidação no pneu continuar, provavelmente você danificou os pneus, as seguintes condições podem danificar o jogo.

  1. Rodar na pista
  2. Zebrado o tempo todo
  3. Pneu já estava seu limite de uso

Quanto ao freio, se ao pisar no freio (acima de 100km/h) o carro trepidar, provavelmente você empenou o disco.

Na revisão de pós corrida, você deverá verificar fluído de freio, óleo de motor e óleo do câmbio. Considerando que todos os itens foram usados ao extremo uma avaliada nos freios também é importante.

Normalmente o óleo do câmbio é trocado, assim como a sangria dos freios, para garantir um aumento da vida útil de todos os componentes do carro.

Um ponto importante é a remoção dos adesivos da competição, toda e qualquer competição os carros são adesivados com números e patrocinadores do evento, por menores que sejam não deixe os adesivos da lataria por mais de 1 semana, principalmente se o estacionamento onde o carro fica durante a semana for descoberto.

Uma dica para remoção da cola do adesivo é a utilização de água e detergente normal, ou então, lavar o carro e depois aplicar uma cera ou massa para polir para remover toda a cola.

Obrigado

Avaliação Filtro de Ar K&N


Boa noite,

A alguns meses eu adquiri pelo Ebay um kit de filtro de filtro de ar esportivo para o Lancer.

A instalação é simples, sobram algumas peças, porque o kit serve para diversos modelos de Lancer (AT, MT, Turbo, etc) vendidos nos mais diversos lugares do mundo.

O Lancer possui abafadores bem grandes logo o ronco dele originalmente falando é bem baixo (eu não fiz um vídeo antes).

O ronco do carro ficou bastante agradável, na verdade, algumas vezes acho bem estranho porque o carro é automático (CVT) e pouco se sente as trocas de marcha.

Avaliação do produto

Custos

  • Preço: US$ 200,00
  • Imposto: R$ 160,00
  • Instalação: R$ 0,00

Facilidade na instalação

Muito fácil, embora necessite de diversos tipos de chave para desmontar, o processo de montagem é bastante simples.

O Tutorial que vem no produto é simples, objetivo e totalmente ilustrado, não foi necessário abrir nenhum vídeo do youtube para instalar o filtro.

Desempenho

Senti pouca diferença, o fabricante garante 6,5hp de potência, não sei se o ganho é tão grande, senti que o carro teve ganho, mas nada surpreendente.

Uma das vantagens está na manutenção, não existe necessidade de troca, apenas uma limpeza a cada 50mil km.

De um modo geral, acredito que o filtro cumpre bem o que promete, depois de 10mil km com ele instalado, as condições físicas do filtro permanecem inalteradas, ou seja, parece que instalei ontem a cada dia que olho o cofre do motor.

Vídeo do Ronco do Carro

 

Obrigado