Avaliação Ford Fusion 2016


Boa tarde.

Este final de semana estou a bordo do Novo Ford Fusion 2016 (versão de entrada). Equipado com o motor 2.5 (175cv) e transmissão automática de 6 velocidades, este conjunto faz com que o Novo Fusion se torne uma opção interessante para o consumidor brasileiro.

O preço apresentado no site da Ford anuncia que a versão de entrada está a partir de R$ 112.400,00, para quem procura Sedans executivos nesta faixa de preço temos poucas opções. Não sei dizer ao certo se o Jetta se encaixa nesta categoria. O Jetta possui um design muito comum na linha VW não dando muita exclusividade ao modelo, exceto pelo conjunto mecânico que é muito bom por sinal, ainda mais agora com a nova opção do 1.4 TSI.

Voltando a falar no Fusion, este é um carro de inúmeros atributos positivos tais como: bancos em couro, cinto de 3 pontas para todos os ocupantes, apoio de cabeça para o terceiro ocupante, motor flex 2.5 com transmissão automática de 6 marchas, espaço interno e acabamento digno para um carro na casa dos 100mil reais.

Um ponto desfavorável do carro está na transmissão, o motor responde bem, mas a transmissão AT simples quando comparado com carros com dupla embreagem deixa a desejar. Nada ruim, mas é algo que poderia melhorar com a nova geração do modelo.

Um ponto extremamente negativo da Ford está nos mapas da Central Multimidia, os mapas estão todos em um cartão SD (que segundo minhas pesquisas) é um cartão criptografado, não dá para fazer download de um backup de segurança e usar no carro, tem um cartão SD próprio da Ford que precisa ser atualizado em concessionária inclusive.

O carro que eu estou no momento está sem o cartão SD (não sei se perderam ou se é um opcional não adquirido) e com isso o GPS não serve para nada. Considerando que a central tem um HD interno de 10gb para música, porque não alocaram um espaço nele para armazenar os mapas? Estou com um carro premium com GPS e o mesmo não funciona porque não tenho o cartão SD.

No site da Ford não fica claro como funciona o processo de atualização do cartão e sequer fala sobre a existência dele. Falando em central multimidia o Sync é ótimo, um pouco engraçado as vezes, mas no geral é muito bom. Quando conectado um celular ele lê as mensagens SMS em voz alta e não parece algo mecânico, as falas são bem suaves.

2016-Ford-Fusion-interior

 

O painel do carro foi uma surpresa para mim, ele possui 2 telas de LCD (uma em cada extremidade) com informações úteis do carro. O carro merecia um sistema de diagnóstico como os AUDI e BMW, mas enfim as diversas telas de LCD distribuídas no carro dão um ar de tecnologia bem interessante para o modelo.

Sensação ao entrar no carro

A porta é pesada, comparando com carros japoneses a primeira impressão é que eu entrei em um carro blindado. O peso da porta é algo que você se acostuma, mas sinceramente eu achei que ela poderia ser um pouco mais leve. E um ponto muito positivo está na vedação do ruído externo, quando você entra no carro você não ouve mais nada do lado de fora, até o som do motor dá uma abafada.

Os controles internos do veículo são extremamente fáceis de encontrar e de operar, não precisa de manual do proprietário, para quem já dirigiu um Renault (aonde tudo fica escondido) este Ford está tudo visivel e de fácil acesso.

Design

Seguindo a tendencia do design da Ford, este modelo dispensa qualquer comentário. Sinceramente o carro por fora está muito bonito e por dentro também.

Vou dirigir o carro por mais 300km neste final de semana, vamos ver se consigo detalhar mais algumas funções do mesmo.

 

Obrigado

Anúncios